• Na vanguarda da transformação energética mundial, politicas, mercados e economia chamam ao debate em torno da energia e enfatizam o lado político e estratégico da questão.

    Para o Brasil os desafios são muitos e quase todos de primeira ordem: seja a inserção de novas fontes energéticas, ajustes regulatórios, segurança jurídica, acessos, cidades e/ou infraestrutura.

    Visando o debate científico e a disseminação do conhecimento, a FGV Energia realizou, no dia 18 de junho de 2019, o evento Energia em Foco: Os Desafios do Brasil em um Mundo em Transição Energética, a ser proferido pelos senhores David Zylbersztajn e Adriano Pires, renomados especialistas nacionais na área de energia.

    Por:
    FGV Energia
    visualizações
  • A economia, o desenvolvimento social e a melhoria de infraestrutura que a exploração e produção de petróleo e gás natural, em estruturas do tipo não-convencionais, está promovendo nos EUA e na Argentina são inquestionáveis.

    A fim de dar os primeiros passos para promover esta atividade no Brasil, o Centro de Estudos de Energia da Fundação Getulio Vargas realizou, no dia 21 de fevereiro de 2019, o lançamento do Caderno FGV Energia - O Shale gas à espreita no Brasil: desmistificando a exploração dos recursos de baixa permeabilidade.

    A proposta do seminário foi de apresentar, face às experiências da FGV Energia e parceiros, como o Brasil pode explorar seus recursos de hidrocarbonetos de baixa permeabilidade.

    Por:
    FGV Energia
    visualizações
  • A economia, o desenvolvimento social e a melhoria de infraestrutura que a exploração e produção de petróleo e gás natural, em estruturas do tipo não-convencionais, está promovendo nos EUA e na Argentina são inquestionáveis.

    A fim de dar os primeiros passos para promover esta atividade no Brasil, o Centro de Estudos de Energia da Fundação Getulio Vargas realizou, no dia 21 de fevereiro de 2019, o lançamento do Caderno FGV Energia - O Shale gas à espreita no Brasil: desmistificando a exploração dos recursos de baixa permeabilidade.

    A proposta do seminário foi de apresentar, face às experiências da FGV Energia e parceiros, como o Brasil pode explorar seus recursos de hidrocarbonetos de baixa permeabilidade.

    Por:
    FGV Energia
    visualizações
  • A economia, o desenvolvimento social e a melhoria de infraestrutura que a exploração e produção de petróleo e gás natural, em estruturas do tipo não-convencionais, está promovendo nos EUA e na Argentina são inquestionáveis.

    A fim de dar os primeiros passos para promover esta atividade no Brasil, o Centro de Estudos de Energia da Fundação Getulio Vargas realizou, no dia 21 de fevereiro de 2019, o lançamento do Caderno FGV Energia - O Shale gas à espreita no Brasil: desmistificando a exploração dos recursos de baixa permeabilidade.

    A proposta do seminário foi de apresentar, face às experiências da FGV Energia e parceiros, como o Brasil pode explorar seus recursos de hidrocarbonetos de baixa permeabilidade.

    Por:
    FGV Energia
    visualizações
  • No dia 23 de novembro, a FGV Energia e a FGV Direito Rio em parceria com a Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal, realizarão o Simpósio Nacional de Combate à Corrupção.

    O evento trará importantes tópicos para o debate, tais como:

    A percepção da corrupção e os prejuízos por ela causados – situação brasileira;

    As iniciativas de prevenção à corrupção;

    A repressão aos crimes de corrupção e a recuperação de ativos.

    Por:
    FGV Energia
    visualizações
  • No dia 23 de novembro, a FGV Energia e a FGV Direito Rio em parceria com a Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal, realizarão o Simpósio Nacional de Combate à Corrupção.

    O evento trará importantes tópicos para o debate, tais como:

    A percepção da corrupção e os prejuízos por ela causados – situação brasileira;

    As iniciativas de prevenção à corrupção;

    A repressão aos crimes de corrupção e a recuperação de ativos.

    Por:
    FGV Energia
    visualizações
  • FGV Energia e a AmCham Rio, realizaram no dia 08 de novembro de 2018, a 8ª edição do Seminário sobre Matriz e Segurança Energética Brasileira e 14º Brazil Energy and Power, no Centro Cultural FGV.

    Entendendo que o país vive um momento oportuno e urgente para o debate sobre nossa matriz energética, os temas desse ano incluíram: O papel do gás natural na matriz energética brasileira; Downstream – política de preços, competitividade no refino e impactos socioeconômicos; Revisão das regras de integração da geração distribuída em 2019; Oportunidades e desafios para o desenvolvimento da smart grid no Brasil e Revisão do modelo de contratação (lastro de energia, leilões regionais e outros).

    Por:
    FGV Energia
    visualizações
  • FGV Energia e a AmCham Rio, realizaram no dia 08 de novembro de 2018, a 8ª edição do Seminário sobre Matriz e Segurança Energética Brasileira e 14º Brazil Energy and Power, no Centro Cultural FGV.

    Entendendo que o país vive um momento oportuno e urgente para o debate sobre nossa matriz energética, os temas desse ano incluíram: O papel do gás natural na matriz energética brasileira; Downstream – política de preços, competitividade no refino e impactos socioeconômicos; Revisão das regras de integração da geração distribuída em 2019; Oportunidades e desafios para o desenvolvimento da smart grid no Brasil e Revisão do modelo de contratação (lastro de energia, leilões regionais e outros).

    Por:
    FGV Energia
    visualizações
  • A FGV Energia e o Grupo de Estudos de Licenciamento Ambiental da AmCham Rio, realizaram no dia 07 de novembro de 2018, o I Seminário Internacional de Licenciamento Ambiental Offshore. O evento reuniu os principais atores do segmento do meio ambiente ligados ao setor de óleo e gás para discutir temas de grande relevância para o setor, como: a avaliação ambiental integrada, oportunidades de desenvolvimento e gestão do licenciamento no Brasil, novas tecnologias para o descomissionamento e a importância de um banco de dados integrado, além de promover um rico intercâmbio de conhecimento com experiências internacionais.

    Por:
    FGV Energia
    visualizações
  • Muito tem sido discutido sobre a importância da reativação do ambiente onshore no Brasil, especialmente com o lançamento do programa REATE. Essa discussão abre a porta para um mercado quase totalmente novo: a exploração recursos de baixa permeabilidade.

    Dessa forma, a FGV Energia, juntamente com o MME, a EPE e a ANP realizaram, no dia 04 de junho de 2018, o evento Discussões sobre a exploração de recursos de baixa permeabilidade no Brasil: projeto poço transparente, que visa a desmistificação da exploração de recursos em baixa permeabilidade por fraturamento hidráulico. Dentre os objetos a serem discutidos nesse evento está a perfuração de um projeto piloto de poço transparente, à guisa de experiências internacionais, para uma análise aprofundada do potencial brasileiro para desenvolvimento de recursos de baixa permeabilidade.

    Por:
    FGV Energia
    visualizações

Páginas