• Palestrantes: Élbia Gannoum – ABEÓLICA; Paulo Van Der Ven –  EQUINOR; Plínio Nastari –  DATAGRO; Rodrigo Sauaia –   ABSOLAR; e Thiago Barral –  EPE

    Moderadores: Fernanda Delgado - FGV Energia; e Paulo Cunha - FGV Energia

     

    Quando as buscas por modicidade, sustentabilidade e segurança se alinharem em uma das matrizes mais limpas do mundo, que mix de energéticos teremos? Que efeitos resultarão da Descentralização, Digitalização e Descarbonização, que hoje pautam o debate no mundo? Como a tecnologia poderá influenciar em tudo isso? 

    Para discutir a estrutura de longo prazo da matriz brasileira, assim como sua expansão, a FGV Energia convidou alguns especialistas, primando pelo espaço de diálogo social, disseminação de informações e conhecimento público.

    Por:
    FGV Energia
    visualizações
  • Palestrante: Miguel Novato - MME

    Moderadora: Fernanda Delgado - FGV Energia

    A ideia é fazer uma exposição sobre o Programa RenovaBio: abordagem desde o mais básico como sua criação, objetivos, mecanismos de funcionamento, função social, CBios, até sua revisão de metas mais atual que está em consulta pública.

    Por:
    FGV Energia
    visualizações
  • Palestrantes: Fernanda Delgado - FGV Energia; Gláucia Fernandes - FGV Energia; e Ricardo Gorini - International Renewable Energy Agency (Irena)

    O setor de energia renovável está sentindo os efeitos da pandemia e dos baixos preços do  petróleo. O novo contexto nos fez recobrar o quão importante é a evolução da oferta e da demanda petrolífera para os mercados. No entanto é preciso estar atento às implicações desse novo cenário, também, nas cadeias que concorrem com o petróleo e seus derivados, como é o caso das energias renováveis. O trauma macroeconômico causado no mundo pela Covid-19 criou inúmeras incógnitas sobre a matriz energética mundial, e é difícil prever o comportamento dos investimentos em energias renováveis.

    Para tratar do tema Hidrocarbonetos, Energia e Renováveis: investimentos globais pós-Covid, a FGV Energia convidou Glaucia Fernandes, Fernanda Delgado e Ricardo Gorini.

    Por:
    FGV Energia
    visualizações
  • Palestrantes: Efrain Cruz – ANEEL; Fillipe Soares – ABRACE; Luiz Augusto Barroso – PSR; Rosana Santos – ENEL; Sinval Zaidan Gama – ONS; e Thiago Barral – EPE

    Moderador: Felipe Gonçalves - FGV Energia

     

    A digitalização do setor elétrico associada à rápida expansão das fontes renováveis não controláveis fazem do gerenciamento da demanda um importante instrumento para melhoria das condições operativas e otimização dos ativos, postergando a necessidade de altos investimentos em infraestrutura.

    Nesse contexto, a resposta dos consumidores à sinais econômicos (Resposta da Demanda) tem se destacado como um dos recursos energéticos distribuídos mais aderentes aos novos desafios operacionais do sistema.   

    Para estimular o debate acerca das oportunidades e desafios para os programas de Resposta da Demanda no Setor Elétrico Brasileiro, a FGV Energia convidou nomes de destaque.

    Por:
    FGV Energia
    visualizações
  • Palestrante: Raphael Moura - ANP

    Moderadora: Fernanda Delgado - FGV Energia

     

    Para descomplicar o Descomissionamento no Brasil abordando desde o mais básico até a regulação mais atual, a FGV Energia convidou Raphael Moura, Superintendente de Segurança Operacional e Meio Ambiente da ANP. A ideia é tratar as principais discussões acerca do tema, pela ótica do regulador, dessa atividade que está em seus primeiros passos no país.

    Por:
    FGV Energia
    visualizações
  • Abertura: Bento Albuquerque - Ministro, MME e Carlos Ivan Simonsen Leal - Presidente, FGV

     

    A cartilha “Doing Business on The Brazilian Onshore Environment” é um produto do Programa de Revitalização das Atividades de Exploração e Produção de Petróleo e Gás Natural em Áreas Terrestres (REATE 2020), coordenado pelo Ministério de Minas e Energia (MME), em parceria com a FGV Energia, contando também com a participação de vários agentes públicos e privados.

    O documento pretende ser um facilitador para potenciais investidores no onshore brasileiro, que consideram, em suas análises, a qualidade do ambiente de negócios, os fatores determinantes da competitividade de um País, a estabilidade macroeconômica, o desenvolvimento do sistema financeiro, o tamanho do mercado, a segurança jurídica e a qualidade da força de trabalho, dentre outros aspectos.

    O momento para a publicação deste documento não poderia ser mais oportuno: enfrentamos uma das mais desafiadoras fases da indústria de petróleo e gás natural das últimas décadas. O Programa REATE 2020 ganha força na medida em que se precisa buscar, com afinco ainda maior, ações que atraiam investimentos para o onshore do País.

    Assim, a publicação “Doing Business on The Brazilian Onshore Environment” é reflexo do empenho de diversas entidades que participaram da elaboração deste importante documento, e que trabalham diariamente para a construção de um Brasil melhor.

    Por:
    FGV Energia
    visualizações
  • Palestrantes: Dario Arias - Resources Energy Consulting; Decio Odonne - Ex-ANP; Eduardo Pereira - Rede Gasbras; Frederico Miranda - Eneva; Keith Hall - Mineral Law Institute; e Marcos Frederico - EPE

    Moderadora: Fernanda Delgado - FGV Energia

     

    O desafio é transformar recursos em reservas. O desafio é conhecer o potencial disponível para o melhor aproveitamento energético. O desafio é como aproveitar recursos em benefício da sociedade gerando empregos e renda.

    O desafio é a aceitação pública da atividade e das técnicas utilizadas para a exploração. O desafio é caminhar no tenso ambiente regulatório, jurídico e ambiental brasileiro. Com tantos desafios, a FGV Energia convidou alguns especialistas para continuar as discussões sobre a desmistificação da exploração de não-convencionais no Brasil, no esteio do Programa REATE e das publicações anteriores da FGV Energia.

    Por:
    FGV Energia
    visualizações
  • Palestrante: Olavo Bentes - PPSA

    Moderadora: Fernanda Delgado - FGV Energia

     

    Olavo Bentes agrega ao MBA em Gestão em Óleo e Gás da FGV Energia a visão detalhada sobre os regimes fiscais de exploração e produção de petróleo. Por mais de uma hora foram apresentadas e discutidas as formas como o Estado ordena suas atividades de exploração e como se relaciona com os diferentes agentes da indústria, em especial as oil companies.

    Por:
    FGV Energia
    visualizações
  • Palestrante: Tânia Cosentino - CEO da Microsoft Brasil

    Moderador: Carlos Quintella - Diretor da FGV Energia

                                                                                                                                                                                                                                                              

    Tânia Cosentino fala sobre a oportunidade da transformação digital no mercado de energia liderada pela Inteligência Artificial e também discorrerá sobre as novas profissões do futuro. 

    Por:
    FGV Energia
    visualizações
  • Palestrantes: Claudio Mastella - Petrobras; Heloisa Esteves -  EPE; Marisa Bastos - MME; e Patricia Huguenin - ANP

    Moderadores:  Fernanda Delgado - FGV Energia; e Felipe maciel - EPBR

     

    As consequências do isolamento social para a demanda de combustíveis e biocombustíveis no Brasil, paralelo aos desinvestimentos da Petrobras no refino e os impactos para o abastecimento do país. Como avançar essa agenda complexa em um ambiente que exige criatividade e dinamismo de empresas, governo, academia e sociedade? Esses e outros temas relacionados ao downstream nacional foram abordados nesse ENERGIA EM FOCO da FGV Energia no dia 29 de junho.

    Por:
    FGV Energia
    visualizações

Páginas